ATL - Academia Taubateana de Letras | Lygia Therezinha Fumagalli Ambrogi  


Home / Ex-Acadêmicos / Lygia Therezinha Fumagalli Ambrogi

Lygia Therezinha Fumagalli Ambrogi

Lygia Therezinha Fumagalli Ambrogi

Poetisa, jornalista, escritora, advogada, professora e grande ativista cultural, Lygia foi uma das maiores expressões no meio literário de Taubaté e região. Nascida, no dia 25 de outubro de 1915, em Deodoro, hoje Piraquara, no Paraná, começou a escrever aos 15 anos de idade na Gazeta de Curitiba.

Em 1932, trabalhou com Pérola Biygton pró Revolução Constitucionalista. Em 1933, veio para Taubaté onde criou e participou de várias ações de apoio à cultura , educação e literatura, como  a criação do  "Grêmio Arcádia", lecionando gratuitamente para crianças: ginástica, dança e declamação.

Realizou inúmeros festivais beneficentes. Fundou o Serviço de Proteção à Criança. Trabalhou para a fundação da Casa do Menor e do Clube da Lazer. Realizou, em 1946, a primeira Festa do Folclore, no Taubaté Country Club – TCC. Trabalhou incessantemente para a reabertura do Hospital de Tremembé. Lutou e participou do projeto de construção da estátua em homenagem aos Bandeirantes, que se encontra na entrada da cidade.

Com a escritora, advogada e jornalista Judith Mazzela Moura, fundou "O Diferente", um inovador jornal escrito para mulheres.

Talentosa escritora, tem muitos trabalhos premiados em importantes concursos de poesias, sonetos e trovas.

Casada com o poeta "Cesídio Ambrogi", recebeu, em 1967, o título de "Cidadã Taubateana"

Lygia pertence a várias associações  e academias de letras, , entre elas a "Academia Taubateana de Letras", o  patrono de sua cadeira é o poeta e marido "Cesídio Ambrogi"

A poetisa faleceu, aos 96 anos, no dia 10 de março de 2012, deixando uma extensa obra literária, entre elas, o livro "Quando A Pinha Se Abre Entre Os Cafezais".